Pular para conteúdo
2.10.17

Tristeza dos Abismos

Tristeza dos Abismos .:.

"Cuidado, a tristeza é uma esfinge estranha… Se você lhe decifra os enigmas ela te abençoa, caso não, lhe arranca a cabeça!

Não tema, seu objetivo é lhe apontar o vazio, conduzir a reflexão e ao aprofundamento.

Se no lugar do questionamento, meditação e reencontro, optar por tapar o buraco em romances imaginários, compras desnecessárias, diversões frívolas ou vícios alucinantes em vã tentativa de fugir de si mesmo, cuidado, pois ela lhe penetra mais fundo, se alastra, domina e consome.

Mil, mil vezes preferível uma tristeza reflexiva, consciente e verdadeira do que uma felicidade rasa, abobalhada e simulada; não raro, o riso frouxo, a gargalhada excessiva e a necessidade de mostrar-se sempre radiante varre para debaixo do tapete os cacos perfurantes da depressão.

O indivíduo consciente é sinceramente feliz, não por ostentar a leveza da fantasia mas pela coragem de mergulhar na gravidade de si."

Caciano Camilo Compostela, Monge Rosacruz – Contato: facebook.com/mongerosacruzcacianocompostela

***

Crédito da imagem: Google Image Search/ancient-code.com

Marcadores: , ,

0 comentários:

Postar um comentário

Toda reflexão é bem-vinda:

‹ Voltar a Home

Related Posts with Thumbnails