Pular para conteúdo
26.4.07

Exterior - Interior

Exterior

Narra-se que um peixe ficava sempre deslumbrado quando uma gazela dos prados vinha beber no lago onde ele vivia. Acostumou-se, de tal forma, que um dia se lhe acercou e tentou um diálogo com o belo e veloz animal. Timidamente, depois, sentindo-se aceito, com mais franqueza, interrogou: - "Onde você vive?", ao que o animal respondeu, sorrindo: - "No mundo imenso." Curioso e feliz, voltou a indagar: - "E esse mundo imenso, é do tamanho do meu lago?" "Não, não! - redagurgiu a outra, com jovialidade - É muito grande, muito grande mesmo." Algo assustado, o peixinho insistiu: - "Diga-me, por favor, é duas vezes, cinco vezes ou dez vezes maior do que o meu lago?" E ouviu a resposta que o estarreceu: - "É infinitamente maior, sem qualquer possibilidade de ter-se uma medida de seu tamanho." O peixinho, antes sorridente, olhou a gazela feliz, e concluiu o diálogo: - "E você não tem medo de viver nele? Pois eu teria, sim." E mergulhou nas águas amigas, aturdido e desconfiado com o exagero daquele animal presunçoso.

Toda pequena gota de chuva que cai na terra
Não demora muito a encontrar uma poça
Essa que um dia será levada pelo tímido riacho
Aos poucos crescendo revolto
Chegará a cachoeiras e deltas
E, finalmente, ao vasto Oceano.


Interior

Questão 919 do Livro dos Espíritos de Allan Kardec: "Qual o meio prático mais eficaz que tem um homem de se melhorar nesta vida e de resistir a atração do mal?"
"Um sábio da antiguidade vo-lo disse: Conhece-te a ti mesmo."

O reino de Deus está dentro de vós. Lucas (17:21).

O conquistador partiu de seu país cheio de pompa e estandartes
Deixou para trás sua família e foi atrás do horizonte
E conquistou todas as cidades por onde passou
E pilhou as que não valia a pena conquistar
Até que no fim do mundo chegou:
Havia dado uma volta em torno de seu próprio império;
E viu que, não havendo nada mais para conquistar,
A vida já não lhe parecia tão emocionante.
Ó conquistador, mais uma vida procurando lá fora
O que nunca encontras-te aí dentro;
Teria sido melhor conquistar a si mesmo,
E ter de fato conquistado alguma coisa real.

Marcadores: ,

0 comentários:

Postar um comentário

Toda reflexão é bem-vinda:

‹ Voltar a Home

Related Posts with Thumbnails