Pular para conteúdo
2.9.08

Diário de um espírito

O título já diz tudo, infelizmente o primeiro filme espírita desde o renascimento do cinema nacional no fim da década de 90 é apenas um ligeiro apanhado de anotações do diário de Bezerra de Menezes. O que poderia ser um filme grandioso, para todos os credos, e sobre um homem grandioso, tornou-se apenas um filme medíocre, com baixíssimo orçamento (aparentemente), voltado principalmente para o público espírita... Entretanto, ainda trata-se de um filme sobre um homem grandioso.

A boa notícia é que a média de público por sala foi excepcional na estréia, o que apenas demonstra que possivelmente temos muito mais espíritas (e simpatizantes) do que mostram os censos... Retirado de O Globo:

"Com temática espírita, "Bezerra de Menezes" teve a melhor média de público. Foram 1.049 pessoas por cópia (o filme foi distribuído com 44 fitas), deixando a produção protagonizada por Carlos Vereza na sétima posição. Para se ter uma idéia, a melhor estréia da semana, "O reino proibido" com Jackie Chan, ficou em segundo lugar, levando mais de 90 mil pessoas aos cinemas. Mas fez apenas 511 espectadores por cópia. Ao todo, "Bezerra de Menezes" foi visto por 51.389 pessoas."

Marcadores: , ,

0 comentários:

Postar um comentário

Toda reflexão é bem-vinda:

‹ Voltar a Home

Related Posts with Thumbnails