Pular para conteúdo
15.9.12

A acupuntura vence a dor

Reportagem publicada no site da Revista Veja em 10/09/2012. Os comentários ao final são meus:

A acupuntura acaba de ganhar um importante reforço para sua credibilidade. Uma análise de 29 estudos clínicos mostrou que a acupuntura é melhor que o uso de placebo para o tratamento de alguns tipos de dor crônica, como a lombalgia e a cefaleia.

Publicado nesta segunda-feira no Archives of Internal Medicine, periódico da Associação Médica Americana, o estudo reforça as recentes evidências que apontam para a eficácia da acupuntura. Até hoje, a técnica de introduzir agulhas em pontos específicos sob a pele, criada há pelo menos 2.500 anos pelos chineses, foi posta em dúvida porque, em muitos estudos, apresentava resultados não suficientemente melhores que o tratamento placebo.

Na análise coordenada por Andrew Vickers, pesquisador do Sloan-Kettering Cancer Center, em Nova York, foram utilizadas informações de estudos clínicos feitos com um total de 17.992 pacientes dos Estados Unidos, Grã-Bretanha, Alemanha, Espanha e Suécia. A acupuntura se mostrou superior no tratamento da dor crônica tanto em relação ao grupo que não recebeu nenhuma terapia quanto ao que recebeu acupuntura simulada (na qual agulhas são introduzidas na pele, mas fora dos pontos específicos). Além da acupuntura simulada, também foram usadas nos estudos analisados agulhas retráteis (que pressionam, mas não ultrapassam a pele dos pacientes), acupuntura a laser e nenhum tratamento.

Segundo os autores da pesquisa, os pacientes que receberam acupuntura apresentaram menor dor nos casos crônicos de lombalgia, osteoartrite e cefaleia que os pacientes tratados com acupuntura simulada (os pacientes dão 'notas' para o grau de dor que estão sentindo, sendo zero o menor índice de dor e 10 a pior dor possível). A redução foi ainda maior em comparação com pacientes que receberam outros tratamentos placebos.

"Os dados resultantes dessa análise de outros estudos com quase 18.000 pacientes em testes clínicos de alta qualidade fornecem as mais robustas evidências até hoje de que a acupuntura é uma boa opção para pacientes com dor crônica”, afirmaram os autores do estudo.

***

CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Acupuncture for Chronic Pain - Individual Patient Data Meta-analysis
Onde foi divulgada: revista Archives of Internal Medicine
Quem fez: Andrew J. Vickers, Angel M. Cronin, Alexandra C. Maschino, George Lewith, Hugh MacPherson, Nadine E. Foster, Karen J. Sherman, Claudia M. Witt, Klaus Linde
Instituição: Sloan-Kettering Cancer Center 
Dados de amostragem: estudos com 17.922 pessoas
Resultado: pacientes que receberam acupuntura apresentaram menor dor nos casos crônicos de lombalgia, osteoartrite e cefaleia que os pacientes tratados com acupuntura simulada. A redução foi ainda maior em comparação com pacientes que receberam outros tratamentos placebos.

***

"O grande problema da acupuntura é que muitos estudos mostravam que seu uso fazia a dor diminuir, mas também havia redução no grupo placebo. Este artigo mostra que existe uma boa diferença entre acupuntura e placebo e reafirma o que já observávamos na prática clínica.

Entretanto não é para toda dor crônica. A acupuntura tem maior efetividade nos casos crônicos de lombalgia, dor cervical, osteoartrite e cefaleia.

É bom lembrar que, em medicina, usamos mais de uma terapia ao mesmo tempo. Isso significa que a acupuntura pode ter um efeito superior se combinada a outros tratamentos contra a dor crônica. Isso é bem nítido na prática clínica."

Andre Wan Wen Tsai (médico ortopedista e acupunturista do Centro de Acupuntura do Instituto de Ortopedia e Traumatologia do HC FMUSP e diretor de Relações Institucionais do Colégio Médico de Acupuntura do Estado de São Paulo)

***

Comentário
Apesar de já ser utilizada no Ocidente há muito tempo, e de contar com inúmeros estudos científicos indicando sua eficácia, parece que somente agora a Acupuntura ganhou seu primeiro estudo de destaque na Academia. Ainda que fosse "apenas efeito placebo", a Acupuntura sempre representou um "problema" para a medicina ocidental, pois ela parte de uma interpretação da saúde que questiona o paradigma materialista que parece focar em tratar "a máquina corporal", e ignorar "a alma". Com esta pesquisa abrangente, com quase 18 mil pacientes estudados, ficou comprovado que, ao menos para esses casos de dor crônica, a acupuntura é um dos tratamentos mais eficazes e baratos de que dispomos em toda a medicina (oriental ou ocidental)... Fato é que a acupuntura funciona contra a dor, mas vai faltar explicar como exatamente ela funciona.

» Veja também o que disseram desta pesquisa no Estúdio I, da GloboNews

» Saiba mais sobre Acupuntura no blog da terapeuta holística Liz Oliveira

***

Crédito da imagem: Thinkstock

Marcadores: , , , , ,

5 comentários:

Blogger Liz disse...

A grande "batalha" entre a medicina ortodoxa atualmente é impedir que os terapeutas holísticos façam uso da acupuntura por causa da questão de inserção de agulhas, mas até o presente momento, os órgãos competentes têm assegurado o livre exercício dessa prática milenar, é como tentaram fazer um tempo atrás com a yoga e as artes marciais, que fossem lecionadas apenas por profissionais da Educação Física, mas não se trata apenas de prática física e sim de doutrina, filosofia e outras questões culturais envolvidas.
A prática que os profissionais da medicina alopática utilizam é diferente da aplicada pelo profissional da terapia holística, ambas podem ter resultados excelentes, o diferencial continua sendo que o terapeuta holístico está preocupado com as causas (emocionais, mentais, etc) e o alopata com o que está acontecendo no físico.
Ainda assim, alguns terapeutas têm evitado a utilização de agulhas para apaziguar os ânimos com a Medicina Ortodoxa e têm obtido resultados tão bons quanto a utilização das agulhas, até porque muita gente tem medo ou traumas com relação a agulhas e a acupuntura têm um vasto leque de opções como cristais, sementes, imãs, etc. Então para quem não se sente a vontade com as tradicionais "picadas" informe-se com o profissional sobre outras opções de aplicação!

15/9/12 15:25  
Blogger raph disse...

Pois é Liz, mas como o doutor falou no vídeo do Estúdio I acima, no Brasil o SUS foi pioneiro no uso da Acupuntura como tratamento conjunto para aliviar a dor. Em alguns casos, a economia com remédios contra a dor tem sido enorme. Ou seja, não é somente uma questão de defender ou não uma medicina alternativa, mas também, e talvez principalmente, de procurar por tratamentos mais eficazes e baratos, o que economiza dinheiro público e ameniza a dor dos pacientes, tudo ao mesmo tempo :)

Abs
raph

16/9/12 18:31  
Blogger Liz disse...

Sim, concordo, é um pequeno avanço, mas "a jornada de mil milhas começa com um passo" alguns postos de saúde por exemplo, já contam com terapeutas complementares que auxiliam os tratamentos alopatas com acupuntura, cromoterapia, reiki, florais etc. Pois é do interesse público (assim esperamos pela lógica e pelo bom senso) evitar gastos tanto para o governo quanto para os pacientes e promovendo ainda uma melhora na qualidade de vida da população, melhor ainda!
A medicina dita alternativa possui diversos métodos baratos ou até sem custos que reduzem a quantidade de remédios e outros químicos que além de custosos podem provocar desequilíbrios em outras partes do corpo à longo prazo. Há uma grande polêmica com relação a este ponto pois temos laboratórios farmacêuticos que não gostam nada da ideia e têm ao seu lado muitos profissionais da medicina que se dizem contrários aos métodos alternativos por não haver nenhuma comprovação científica ortodoxa de sua eficácia. Não estou dizendo que ninguém deve mais tomar remédios, eu sou terapeuta e ainda assim se preciso tomo medicamento sim, mas deve-se ter consciência do abuso destes. Tenho fé que um dia alcançaremos o equilíbrio perfeito, graças por já existirem profissionais que compreendem a integração dessas duas áreas pelo benefício de muitos.

E ainda assim, a informação é maior aliada da população, se você me permite divulgar, para quem quiser tratamento holístico a baixos custos ou gratuitamente pode contar com algumas instituições como a Casa de Bruxa em Santo André - SP as 4as e 6as e no próximo dia 30/09 estou dando início há um Ambulatório Beneficente na região de Vila Prudente e ABC paulista no Espaço Sutra Oficina do Ser e a Humaniversidade em Moema.
Fica a dica! ;-)

Gratidão por esse espaço!

16/9/12 21:06  
Blogger raph disse...

Oi Liz, claro que pode divulgar. Se eu morasse em São Paulo talvez até fosse, pois você me parece ter não somente conhecimento do assunto, mas bom senso também :)

Abs
raph

16/9/12 21:36  
Blogger Liz disse...

Ah gratidão!
Se estiver por aqui de passagem compareça! ;-)

16/9/12 22:49  

Postar um comentário

Toda reflexão é bem-vinda:

‹ Voltar a Home

Related Posts with Thumbnails