Pular para conteúdo
29.4.09

Estaria a física quântica errada?

É isso que o polêmico Nassim Haramein postula nessa parte da longa palestra (45 partes no YouTube [1]) sobre a natureza fractal da geometria do Universo. Obviamente ele precisa comprovar suas teorias com equações que façam sentido, mas se ele estiver mesmo certo ainda serão anos para a comunidade científica admitir... Em todo caso, vale lembrar que não é apenas ele quem critica o fato dos físicos constantemente "inventarem" forças e propriedades de partículas para descreverem o universo ultra-microscópico que vem sendo desvendado aos poucos pelos aceleradores de partículas; A teoria das cordas/teoria M também procura explicar o porque de tais características existirem (vibrações de cordas, membranas ou p-branas minúsculos que produzem as famílias de partículas elementares), a diferença é que a teoria das cordas é oficialmente científica...

[1] Para continuar vendo, na sequência deste primeiro vídeo no link, basta ir clicando em "Este vídeo é uma resposta a..." logo abaixo dos videos no YouTube.

Nota: Nassim Haramein até hoje não tem trabalhos científicos publicados em sites ou revistas de renome, e suas teorias não são consideradas de forma séria (ao menos até o momento) pela comunidade científica internacional. Isso não quer dizer que seja um charlatão ou uma fraude, apenas um homem com idéias heterodoxas acerca da geometria do Cosmos.

Marcadores: , , , ,

2 comentários:

Anonymous Rayom disse...

Oi, Raph!

“Estaria a Física Quântica Errada?”

Admito que a física quântica esteja basicamente montada muito mais em probabilidades do que em provas.

O fato de não haver ainda como determinar onde, ou para onde, o elétron se transporta de um estado aparente de energia-matéria para o transitivo energia-onda, por exemplo, vem facilitar os críticos a teorizar sobre o que não se pode comprovar.

O físico precisa ter algo mais do que equações na cabeça, pois se a equação do universo existe, ela por certo não será somente numérica, e o Nassim Haramein, além de tudo, demonstra claramente sua escola newtoniana, sua má vontade com a física moderna e o repúdio de qualquer relação da física com imagens, hologramas, hexagramas ou outro símbolo religioso ou esotérico.

Mas se não há como provar a realidade das dimensões quânticas e tudo mais da física moderna, também não há como os críticos provarem a inexistência. É como: uma coisa afirmar que Deus não existe, e outra provar que não existe.

Mas há tantas outras coisas relativas a matéria que a física e a matemática tradicionais unicamente teorizam! Acho que no fundo há um meio show-man naquilo que ele preparou.

Abraços.

29/4/09 21:46  
Blogger raph disse...

"Acho que no fundo há um meio show-man naquilo que ele preparou."

Sem dúvida, sempre fico com um pé atrás também, pois apesar de ele demonstrar um enorme conhecimento de física, ainda não tem trabalhos publicados, e no site de seu projeto eles vendem um DVD... Tudo bem não é nenhum Segredo da vida, mas é preciso ter cautela antes de entrar num "oba-oba místico", nesse caso.

Mas também ignora-lo completamente seria idiota, visto que suas teorias tem coerência lógica.

Abs
raph

30/4/09 10:00  

Postar um comentário

Toda reflexão é bem-vinda:

‹ Voltar a Home

Related Posts with Thumbnails