Pular para conteúdo
21.4.13

Uma vida bem encenada

Lembre-se de que você é um ator numa peça teatral, e que o Autor escolheu a maneira que ela será encenada: se ele a desejar curta, ela será curta, se a desejar longa, ela será longa.

Se ele quer que você encene um homem pobre, você deve encenar o seu papel com todo o seu talento; da mesma maneira com um papel de aleijado ou de magistrado ou de um homem comum.

O que lhe compete na vida é encenar o papel que lhe foi dado, e bem; a escolha do elenco pertence ao Outro.

Enchiridion de Epicteto, XVII

***

Comentário
Este trecho pode ser mal interpretado. Repare que Epicteto se refere somente as coisas externas ao nosso controle: nascer pobre, ou aleijado, ou numa família nobre (o que, na época, lhe dava a chance de vir a ser um magistrado). Encenar o papel que nos foi conferido com todo o nosso talento significa, exatamente, não lamentar nossa sorte, mas nos dedicarmos somente ao que está sob nosso controle – ou seja, viver uma vida bem encenada.


O Enchiridion de Epicteto, o manual para a vida, será o próximo lançamento digital das Edições Textos para Reflexão. Aguardem que virá algo muito especial por aí...

***

Crédito da foto: Gideon Mendel/In Pictures/Corbis (UK Music Festivals - The Green Man Festival)

Marcadores: , , ,

3 comentários:

Anonymous Anônimo disse...

All the world's a stage,And all the men and women merely players-Shakespeare, As You Like It(1600)

É bacana ver como tudo se repete na literatura, mas pouco se aprende em milênios...

1/5/13 10:56  
Blogger Juliene Farnez disse...

Texto profundo. Fala com a gente de uma forma incrível. Seu comentário ficou ótimo e também bem esclarecedor.

Bjos
entrereaiseutopias.blogspot.com.br

6/5/13 14:57  
Blogger raph disse...

Obrigado Ju, estou dando uma olhadinha no seu blog tb :)

Bjs
raph

6/5/13 18:30  

Postar um comentário

Toda reflexão é bem-vinda:

‹ Voltar a Home

Related Posts with Thumbnails