Pular para conteúdo
10.4.10

Não precisa passagem no trem

Uma homenagem a Raul Seixas e seu inesquecível "O Trem das 7", numa curiosa edição da animação "O Expresso Polar" (Warner Bros.) por daffad:

Ói, ói o trem, vem surgindo de trás das montanhas azuis, olha o trem
Ói, ói o trem, vem trazendo de longe as cinzas do velho éon

Ói, já é vem, fumegando, apitando, chamando os que sabem do trem
Ói, é o trem, não precisa passagem nem mesmo bagagem no trem

Quem vai chorar, quem vai sorrir?
Quem vai ficar, quem vai partir?
Pois o trem está chegando, tá chegando na estação
É o trem das sete horas, é o último do sertão, do sertão

Ói, olhe o céu, já não é o mesmo céu que você conheceu, não é mais
Vê, ói que céu, é um céu carregado e rajado, suspenso no ar

Vê, é o sinal, é o sinal das trombetas, dos anjos e dos guardiões
Ói, lá vem Deus, deslizando no céu entre brumas de mil megatons

Ói, olhe o mal, vem de braços e abraços com o bem num romance astral

Amém

Marcadores: , , , , , ,

2 comentários:

Anonymous Bruno disse...

Sincronicidade, Trem das Sete é a música que mais tenho ouvido! Amém!

10/4/10 14:02  
Blogger Leonardo disse...

Muito bom.

Raulzito é imortal.

11/4/10 20:28  

Postar um comentário

Toda reflexão é bem-vinda:

‹ Voltar a Home

Related Posts with Thumbnails